Páginas

terça-feira, 25 de junho de 2013

"A infância tem as suas maneiras próprias de ver, pensar e sentir. Nada mais insensato que pretender substituí-las pelas nossas."