Páginas

quarta-feira, 1 de maio de 2013

Lagrimas


Jotta A

Lágrimas caem, e os sonhos
se vão, a esperança se vai.
Eu já não ouço mais tua voz.
Como, quando, onde e por que
são questões que me impedem de te ver.
Lembranças, memórias, tantos sentimentos,
um diário a escrever. Lamentos e risos, 
são tantas memórias simples
Perto da graça de Deus me faz refletir.
Os teus caminhos mais altos que os meus.
Os teus pensamentos mais altos que os meus.
A tua poderosa mão me sustenta.
Debaixo de tuas asas, eu me abrigo então.